Search
Close this search box.
Novo curso do Sindplay: Manipulação de HTML e CSS com JavaScript 4

Novo curso do Sindplay: Manipulação de HTML e CSS com JavaScript 4

Criado em parceria com a Academia Forense Digital (AFD), a ferramenta oferece aos alunos material de apoio, emissão de certificado com carga horária e conteúdo programático

JavaScript 4 – O Sindplay – streaming de formação e capacitação para profissionais de Tecnologia da Informação (TI) – estreou mais um curso em sua plataforma nesta terça-feira (09). Os alunos já podem acessar o treinamento “JavaScript 4: Manipulação de HTML e CSS”. (Conheça o Sindplay clicando aqui)

Descubra como manipular elementos HTML e estilizar páginas web com JavaScript. Este curso ensina técnicas avançadas de interação entre JavaScript, HTML e CSS, permitindo que você crie interfaces web dinâmicas e responsivas. O Sindplay já possui cerca de 80 cursos disponíveis aos seus mais de 15 mil alunos, com valor de mercado de mais de R$ 90 mil.

LEIA: Festivais gastronômicos, shows e arraiá: aproveite as férias de julho na praia!

O Sindplay possui cursos na área de segurança da informação, desenvolvimento de softwares, desenvolvimento para a internet, administração de sistemas e redes, ciência de dados, inteligência artificial, gestão de projetos de TI, blockchain e tecnologias de moedas digitais, entre outras áreas.

Criado em parceria com a Academia Forense Digital (AFD), a ferramenta oferece aos alunos material de apoio, emissão de certificado com carga horária e conteúdo programático. Sócios e contribuintes do sindicato têm bolsa integral de acesso à plataforma, apelidada pela mídia especializada de “Netflix de TI”.

No evento de lançamento do Sindplay, realizado em agosto de 2023, representantes de mais de 100 empresas de tecnologia marcaram presença e demonstraram otimismo com a iniciativa. Representando a consultora de TI Cognizant Technology Solutions, Danilo Rodrigues lembrou que muitas pequenas e médias empresas do setor não possuem capacidade financeira para auxiliar seus funcionários para que avancem em sua qualificação profissional.

“Muitas delas não têm tanto valor financeiro para poder investir com esses trabalhadores em conhecimento, em novos cursos. Com certeza vai ajudar as empresas nesse sentido”, disse, na ocasião.

Leia mais